Primeiros passos para montar uma construtora do zero

Primeiros passos para montar uma construtora do zero

Você tem vontade de empreender na engenharia, mas simplesmente não sabe por onde começar? Calma, que nesse artigo vamos te mostrar que mesmo em época de crise é possível empreender e se destacar no mercado. Vamos lá?

Se você não vê a hora para começar seu próprio negócio e ser um verdadeiro empreendedor, é bom estar preparado: há muitas responsabilidades pela frente.

Você precisa de determinação, habilidades de liderança, capacidade e coragem para assumir riscos e, o mais importante, para entender o setor de negócios que se acredita atuar, de preferência com pelo menos uma experiência profissional.

Passo Principal: Conheça o mercado

Um dos primeiros passos a serem tomados na criação de uma empresa de construção é analisar cuidadosamente o mercado e se adaptar a ele. 

Se seu objetivo é abrir uma construtora, analise cuidadosamente o comportamento e as necessidades que seu público têm. 

Realize uma extensa pesquisa com seus futuros concorrentes. Quais construtoras já existem, onde atuam, como trabalham, qual é o perfil de seus clientes, que tipo de produto, etc.

Você pode ir para dois caminhos diferentes: um para algo inovador e o outro ir para uma área que já exista e que tenha demanda.

A análise da demanda é um ponto-chave no planejamento de todo empreendedor, mas em tempos de crise essa abordagem é ainda mais importante.

No final, você poderá ver novas necessidades do consumidor, ter ideias para diversos produtos e serviços e até entender o que as pessoas valorizam nas empresas, em seu setor, em tempos de crise.

Momento de crise 

Já dizia um ditado popular “a crise cria oportunidades“, o que é bastante verdadeiro. A abertura de uma empresa de construção é uma solução para quem já possui experiência na construção civil, seja por causa da necessidade em meio a uma crise ou por querer possuir um negócio. 

Mas, independentemente dos motivos que o levaram a mergulhar neste mundo dos negócios, você precisa de preparação e planejamento financeiro, jurídico, técnico e muita força de vontade.

É loucura começar uma nova empresa durante uma crise? Como todos sabemos, com um pouco de coragem, criatividade e dedicação, é possível usufruir dos benefícios que esse momento também proporciona aos empreendedores.

Se você olhar para a história de outras crises mundiais, descobrirá que a maioria das crises é cíclica e dura em média dois anos. Ou seja, se o mercado está atualmente lento, isso não significa que permanecerá nesse cenário para sempre.

Quando a crise começar e seu setor se recuperar, você já terá uma empresa forte e conhecida que aprendeu a “sobreviver” mesmo durante a crise econômica.

Passo 2: Contrate uma boa equipe

A montagem da equipe é outro passo importante na abertura de uma pequena empresa de construção. Depende das intenções do empresário, do mercado em que ele pretende operar e dos serviços que ele oferece.

Com base nessas definições, você pode identificar os trabalhadores que serão necessários.

Você também deve estar preparado para lidar com os capítulos da burocracia. Para legalizar o trabalho e obter documentos, você precisará encontrar vários órgãos públicos.

Portanto, é necessário que o interessado tenha conhecimento no campo da engenharia, pois ele terá que se adaptar a várias legislações relacionadas à abertura dos negócios da empresa de construção.

Passo 3: Verifique as questões legais

Uma pequena empresa de construção é uma prestadora de serviços. Portanto, ele deve ser incluído na CNAE (Classificação Nacional de Atividade Econômica) neste ramo de atividade. Este é o primeiro passo. 

O segundo é determinar o tamanho da empresa, independentemente do seu tamanho. Nesse ponto, verifique a viabilidade de cada método, analise a forma do imposto (renda nacional simples, lucro presumido ou lucro real) e outros detalhes que afetarão o resultado.

Você trabalhará com profissionais de contabilidade para definir o tipo de empresa, que varia, dependendo do tamanho (número de funcionários) e da receita anual total. Os tipos mais comuns de empresas são:

– Empresa pessoal (EI) – Não empresa, não há separação legal entre ativos pessoais e ativos da empresa.

– Empresa de responsabilidade limitada pessoal (EIRELI) – Não-empresa, separação legal entre bens pessoais e ativos da empresa, capital social superior a 100 vezes o salário mínimo atual no país

Sociedade Empresarial Limitada (Ltda) – No desempenho de dois ou mais parceiros, existe uma separação legal entre bens pessoais e bens da empresa.

Ainda existem outros tipos de empresas acima podem ser classificados ainda conforme o faturamento anual.

Fique atento a legislação do CREA

Também é importante entender as leis e os regulamentos envolvidos nesse tipo de negócio. Por exemplo, no início da abertura da empresa de construção, pelo menos um engenheiro profissional deve estar registrado no CREA (Comitê Regional de Engenharia, Construção e Agronomia).

De fato, neste local, você deve se registrar na empresa antes de assinar um contrato social com um contador. O contrato deve cumprir o disposto na Lei Federal nº 5.194, de 1966, que regulamenta a prática profissional.

Outro requisito é que a empresa tenha técnicos responsáveis ​​por todos os modelos de engenharia e especifique os serviços a serem prestados.

“Art. 4º. As qualificações de Engenheiro, Arquiteto, Geólogo, Meteorologista ou Engenheiro Agrônomo só podem ser acrescidas à denominação da pessoa jurídica composta exclusivamente de profissionais que possuam tais títulos.

Art. 5º. Só poderá ter em sua denominação as palavras Engenharia, Arquitetura, Geologia, Meteorologia ou Agronomia a firma comercial ou industrial cuja diretoria for composta, em sua maioria, de profissionais registrados nos Conselhos Regionais.”

O processo de iniciar um negócio pode ser burocrático! Sem citar os documentos necessários, não podemos falar em abrir uma empresa de construção.

Veja a lista de ações que você precisa executar abaixo: 

1.Contrato social.

2.Obtenção do CNPJ.

3.Inscrições estadual e municipal.

4.Alvará de funcionamento.

5.Cadastro na Previdência Social e todos os demais aparatos fiscais.

Se você gostou do conteúdo e quer aprender na prática sobre Empreendedorismo e Desenvolvimento de Negócios conheça nosso MBA  Gerenciamento, Desempenho, Tecnologia & Qualidade da Construção.